• 02/09/2015 • BRBR


    Eu vou rir disso pelo resto da minha vida

    Confessionário: pecadores

    Cara, eu estou chorando copiosamente com essa obra de arte. Vou apenas resumir, ok?

    Você e alguns amigos chamam a vítima. Um de vocês estará com tipo uma caixa cobrindo algo. Aí explica “cara, pegamos uma ave/sapo/gatinho/qualquer coisa e ele tá preso ali. Quando levantarmos a caixa tu pega rápido”.

    E aí vocês levantam a caixa.

    Pláu…

    vi no famigerado Cabeçada

  • 02/09/2015 • Gringos


    Como se divertir com patos de borracha

    Confessionário: pecadores

    Taí…eu não daria nada por essas aves de borracha que a gente aperta e sai um barulho esganiçado. Mas agora eu to desembolsando uma grana preta no Mercado Livre para ter um cômodo inteiro cheio disso só para chegar cansado do trabalho e pular em cima de todos.

    E ficar ouvindo aqueles gritos de sofrimento que representam de maneira fiel o que é a minha vida.

    Ah, e como a internet não tá de bobeira, os caras já fizeram as famosas VERSÕES. Eu fico extremamente feliz quando vejo que estamos todos unidos em prol da BOBAJADA™.

  • 02/09/2015 • Televisão


    Banda Calypso e a torta de CLIMÃO

    Confessionário: pecadores

    Um dos grandes problemas de ter um relacionamento público é que quando ele acaba, as coisas são infinitamente mais difíceis. Agora multiplica isso ao fato de você ser tipo uma Khaleesi do Pará. Pois é, Joelma levou a famigerada GALHADA do malandrinho do Chimba e o amor acabou. Junto com ele, o Calypso.

    Só que os contratos não…

    E numa dessas, eles precisam aparecer juntos em diversas ocasiões. Esse propaganda do Teleton é um grande exemplo. A mensagem é de amor, de solidariedade, de benevolência. Menos para Joelma. A cara da Joelma representa a minha vida.

  • 02/09/2015 • BRBR


    O assaltante inconformado com a corrupção

    Confessionário: pecadores

    Já não é novidade para nenhum de nós que em QUALQUER notícia da internet sobre QUALQUER assunto, vai ter alguma pessoa revoltada relacionando aquilo com o PT. “Cientistas descobrem vida em Saturno”, por exemplo. Com certeza vai ter lá o “TEM É QUE MANDAR A DILMA E SUA CORJA PARA OUTRO PLANETA PRA NÃO ROUBAREM MAIS A TERRA”. Isso é clássico, já sabemos.

    Só que agora parece que a coisa chegou num novo nível. O cara estava roubando até não aguentar mais e quando foi pego, já mandou logo o papo reto explicando de quem era a culpa: Dilma. Sim. Nós conseguimos chegar ao loop em que a pessoa rouba e justifica com os roubos da Dilma.

    Tá dando tela azul no país.

    vi no famigerado Não Salvo

  • 29/08/2015 • BRBR


    Brasileiros sendo brasileiros no Egito

    Confessionário: pecadores

    Já foi confirmado cientificamente que quanto maior a quantidade de homens juntos, menor a idade mental média do grupo em questão.

    Nós somos assim, bobões. A gente ainda gosta de agir como crianças, brincar de briga de galo e, se possível, tocar campainha e sair correndo. Se você procura homens maduros você procura ALIENS.

    Daí temos essa galera aqui no Egito. Quando você está diante de tantas belezas históricas, tantos sítios arqueológicos, qual é a primeira coisa que você pensa? “Preciso registrar esse momento”. Qual é a primeira coisa que você pensa quando está com os BRODERS? “Precisamos fazer o Passinho do Faraó“.

  • 29/08/2015 • Música


    Como seria se as Chiquititas tivessem pacto com o Diabo

    Confessionário: pecadores

    Acabo de conhecer uma categoria de metal chamada KAWAII METAL e deus que me perdoe, mas eu gostei. É como se a gente pegasse o saudoso grupo MULEKADA e entregasse aquelas pobres três alminhas nas mãos do Capiroto.

    mlkQue saudade…

    Nesse caso, Kawaii é um termo usado por Otakus para definir “fofinho”, “meigo” ou “ownt *-*”. E otakus são aquele pessoal que você vê na praça de alimentação do shopping com umas camisas pretas do Linkin Park e toucas de Pokemon que as tias geralmente não gostam de sentar perto.

    A banda Três Evas já tem dois clipes e talvez, apenas talvez, seja a salvação do metal nacional. Veja só…

    Adorei ownt *-*

  • 27/08/2015 • Dicas Patrocinadas


    Tá na hora de ficar esperto

    Confessionário: pecadores

    Captura de Tela 2015-08-26 às 19.14.58

    O que você vai ser quando você crescer?

    Não sei, mas espero que não seja vagabundo, HAHAHA!

    É por isso que eu digo que, até mesmo na zoeira, você precisa ser esperto e ter visão das coisas. Seja pra ganhar dinheiro, seja pra ter um nome bacana ou crescer no mercado, ser esperto é qualidade necessária.

    Gente esperta se dá bem na vida. Ser esperto é diferente de ser inteligente. Inteligência é acumular conhecimento e pode ser teoria pura. Ser esperto é saber tomar decisões e fazer escolhas. Noutro dia mesmo, eu li uma parada na internet que falava sobre educação e escolhas. E qual não foi minha surpresa ao ver que escolher o melhor lugar pra se estudar é um dos itens de sucesso pra quem quer crescer? O artigo também falava sobre o SENAI.

    Parece que mais de 90% das empresas preferem profissionais formados pelo SENAI Rio. Sabe por quê? Porque eles foram espertos e escolheram estudar em cursos irados. E pra ajudar você a ficar mais esperto, o SENAI Rio tá dando até 50% de desconto na primeira mensalidade de cursos, mas corra porque os descontos são dados pra matrículas feitas até 15/09/15, clique aqui pra ficar ligado. ENTÃO BORA, FIO!

    “Ah, maneiro, mas eu não sei o que fazer.”

    Não tem desculpa. O SENAI Rio fez um quiz superdivertido pra dar a você uma ideia de qual área tem mais a ver com você. Clique aí e faça o quiz, você ainda vai ficar por dentro da variedade de cursos que existem por lá. Algum deles vai interessar a você! O meu (surpreendentemente) mostrou cursos na área de GRÁFICA, DESIGN e WEB. Mas… não me digam! 😛 

    resultado_jesusmanero

  • 27/08/2015 • Prints


    Kaley e o diálogo mais sem noção do Facebook

    Confessionário: pecadores

    Meu Deus do céu, agora eu tô muito intrigado se ela conhece o Matheus ou não. Que mistério.

    kaley_print
    enviado pelo leitor Gabriel de Santana