,

O dia em que o amor por um Dálmata foi longe demais

vit__dalmata

Aaaaaaaaaaaaaahh a Internet!!! Aaaaahhh o Facebook!! Aaaaahhh a vida e suas novas experiências!!!

Tudo bem gostar de coisas novas, fazer o inusitado, algo bem diferentão e etc. Mas tem limite pra tudo nessa vida. Socorro. MEU DEUS DO CÉU! SALVEM OS ANIMAIS!!

dalmataPaula queria conhecer pessoas novas, então ela fez o que qualquer ser humano sensato faria: começou a contar suas ~peripécias~ com o cachorro e seus desejos por outros animais.

O pior é que a tal da Ângela acabou ficando mesmo curiosa, não duvido que tenha tivo vontade de experimentar a pintada do dálmata (desculpa, não resisti e tive que mandar essa).

Só podia vir mesmo do Facebook, este grande mar de lixo e porcarias boiando na nossa internet.

Veja o print da conversa clicando aqui. Mas olha bem, já vou avisando que não compensa. Acho que a internet não será mais a mesma pra mim, nem pra vocês, muito menos pra Ângela, depois dessa declaração da Paula.

amor_dalmata

Print enviado pelo leitor Danilo Vieira

Confessionário


Mulher dorme ao volante e ainda fica nervosa com repórter

Como completar uma semana vitoriosa no Badoo