,

Policial se recusa a cumprir determinação de comandante em manifestação e é dispensado

Mais uma prova de que não foi só o povo brasileiro que acordou, mas alguns militares também começam a perceber o exagero e intolerância de quem deveria estar nas manifestações proteger a população e não atacar.

Durante os protestos recentes, um policial foi obrigado a entregar sua arma e ser dispensado do trabalho após se recusar a cumprir uma determinação do seu comandante, que o mandava dispersar a população usando viaturas.

O mais curioso é que o comandante gritava e esbravejava para o soldado mandando utilizar a viatura contra os manifestantes, mas quando ele viu a câmera e percebeu que estava sendo filmado, deu logo um jeito de mudar o discurso e falar que era “pra não machucar”. Que papelão, heim? Repara que o discurso muda justamente quando o olhinho dele bate na lente da câmera.

Parabéns para o policial que utilizou do seu bom senso e questionou as ordens superiores.

Confessionário


Artistas gringos aderem aos protestos brasileiros, ou não

Pelé diz que todo mundo deve esquecer as manifestações e pensar no futebol