,

Um apelo a Rodrigo Hilbert

Alguém para esse homem pelo amor de Deus! Como que a gente, meros mortais, vamos competir com um homão desses? É injusto demais isso.

Confessionário