Cantor do metrô parte 3: o mito ataca novamente

AHAHAHAAHAHAHAH Sabe quem não é Cristo mas voltou denovo? O CANTOR DO METRÔ! Se prepare pra fortes emoções!


273 shares

Curitiba tem o Oil Man, o maluco que anda pela cidade de bicicleta, só de cueca e lustrado de gordura de quati.

Belo Horizonte tem o BHatman, um negão vestido de batman com uma bike estilizada que anda pelo centro da cidade evitando crimes (há um tempo atrás ele levou uma facada)

São Paulo tem o Cantor do Metrô…  Se você ainda não conhece essa ferinha ele basicamente é um dublê do Celso Pitta com a voz do Cid Moreira e o carisma de um balde.

Dessa vez o maior crooner de gafieras que o transporte público já presenciou nos presenteia com uma interpretação emocionada e emocionante de uma das mais belas páginas do cancioneiro popular brasileiro, Só as cachorras da banda, coral e ballet Bonde do Tigrão, um clássico reeditado da primeira aparição.

Prepare-se pra rir, chorar e se emocionar!