O dia que o brasileiro conseguiu acabar com duas tradições ao mesmo tempo | Jesus Manero