Presenciando o milagre do porco voador | Jesus Manero

Presenciando o milagre do porco voador


238
192 shares, 238 points

O ano era 1640, o local era a Cidade Maurícia e a obra era a construção de duas pontes sobre o Rio Capibaribe. Como toda boa obra pública essa também demorou demais e o povo local começou a dizer:

“É mais fácil um boi voar do que acabarem essa ponte”.

Quatro anos depois em 1644, Maurício de Nassau tomou a obra pra si e terminou a ponte, e ironizando com os ditos populares mandou avisar:

“No dia de inauguração da ponte um boi passará sobre ela voando”

Pra manter sua promessa bizarra ele mandou matar um boi, tirou sua pele, recheou-a com gravetos, levou um boi manso até um dos lados da ponte, fez esse boi passar por uma armação de panos e de lá “fez o boi voar” até o outro lado usando uma engenhoca de suspensão por cordas.

Todo mundo adorou ver o boi voando e foi recolhido um rio de dinheiro em pedágio da Ponte, que por sinal quando da sua construção foi  prometida de graça.

O que isso tem a ver com o nosso vídeo? NADA.

O que aprendemos com isso? Que nós somos todos troxas desde sempre.

Pelo lado bom, OLHA ESSE PORCO DOIDÃO PULANDO DESSA CAMINHÃO! AHAHUAHAUHAUHAUHAUAHUAHUAHHAHAUAH ELE CAI NO CHÃO IGUAL UM SACO DE BATATA E DEPOIS SAI ANDANDO MEIO TONTO MAS DE BOA.

Se fosse eu tentando fugir obviamente tinha me quebrado inteiro e estaria até hoje no hospital. Qual a lição que tiramos do vídeo? Se um dia você for sequestrado em um caminhão não fuja, aceite seu destino horrível e aceite que você JÁ MORREU.