Velozes e furiosos: Minas Drift


Uma coisa que acho fascinante na natureza humana é o senso de inovação. Quero dizer, renomados profissionais passam anos a fio estudando, desenvolvendo e projetando um carro que possa ir às ruas de maneira ideal. Esses profissionais às vezes são nomes que farão história no mercado automotivo com suas criações.

Daí me chega um cara e pensa “ÊTA SÔ. CARRÃO BUNITO DIMAIS. FAZER UMAS ALTERAÇÃOZINHA AQUI” e executa o chamado ~tunadão violento~ assim como um Vin Diesel ou Paul Walker (pra andar nos paralelepípedos do Brasil). O resultado é essa delícia de vídeo.

“Ranhô nada não véi”

(vi no parça AhNegão)